Domingo, 13 de Junho de 2021 08:41
43 9 9937 4574
14°

Tempo aberto

Cambará - PR

Dólar com.

R$ 5,12

Euro

R$ 6,2

Peso Arg.

R$ 0,05

Educação Educação

Conheça a histórias de pessoas com Down que chegaram à faculdade

Especial do R7 mostra os desafios enfrentados por quem teve que superar as limitações físicas e intelectuais para chegar ao ensino superior

07/05/2021 16h21 Atualizada há 1 mês
Por: Carlos Roberto Francisquini Fonte: R7 - Clara Mariz e Matheus Oliveira,
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

João Francisco Barbosa Filho - Turismo - São Luís, MA
Foi depois de uma viagem em família para os Lençóis Maranhenses que João Francisco decidiu abandonar o sonho de se tornar um administrador para embarcar em outro: começar o curso de turismo. Aos 28 anos, entrou na Faculdade do Maranhão e, três anos mais tarde se formou com uma dissertação sobre roteiro turístico literário em seu Estado natal. Hoje, João diz que é turista e viaja com a mãe pelo mundo

Samuel Adiron – Pedagogia – São Paulo, SP
Desde criança Samuel sonha em ser professor. Com esse objetivo em mente, se preparou para o vestibular como todos os outros jovens da sua idade. Em 2017, foi aprovado em duas universidades conceituadas de São Paulo: Mackenzie e na PUC-SP. Escolheu a primeira opção para levar seu sonho adiante, mas diz não ter recebido muito apoio da instituição. Partiu de seus colegas algumas ações inclusivas para que ele pudesse se adaptar melhor ao ambiente. Hoje, Samuel está no Instituto Sumaré, cursando o segundo ano de pedagogia

Eduardo Leite Bedin – Educação Física – Porto Alegre, RS
Assim que concluiu o ensino médio, a mãe de Eduardo organizou uma comemoração para celebrar sua formatura, pensando que a formação dele terminaria ali. Porém, o jovem decidiu ir além e em 2017 se formou em educação física, sendo o primeiro profissional com síndrome de Down registrado no Conselho Estadual de Educação Física do Rio Grande do Sul. Hoje, ele trabalha como técnico esportivo da APABB-RS (Associação das Pessoas com Deficiência do Banco do Brasil) e desenvolve atividade de judô junto à Associação Judoística do Rio Grande do Sul

Florença Sanfelice – Dança – Porto Alegre, RS
O forte de Florença sempre foi a música. Em 2008, depois de passar por um curso preparatório, entrou na faculdade para cursar fisioterapia mas desistiu quando as práticas em cadáveres começaram. Então, mudou para dança, um curso que também tinha interesse e a aproximava ainda mais da música. Florença toca violino e violão e se dedica inteiramente à carreira de musicista

Priscila Silveira – Gastronomia – Santos, SP
Priscila sempre pensou em entrar na faculdade. Quando chegou a hora de prestar vestibular se preparou com a ajuda de uma pedagoga. Seu maior interesse foi pela gastronomia, e em 2010 se graduou. Priscila é uma microempreendedora e vende biscoitos por encomenda, em Santos

Carlos Romero Lages Lustosa Cabral – Gastronomia – Maceió, AL
Carlos decidiu, aos 32 anos, fazer uma graduação em gastronomia, depois de concluir os cursos técnicos de padeiro e confeiteiro. Com o acompanhamento de uma psicopedagoga, prestou vestibular em 2017 e mostrou toda sua habilidade com as massas. Ele está no 4° período, vai se formar no meio do ano que vem e já sonha em ser um empreendedor e vender suas comidas

Gabriel Deliberali Lazzari – Educação Física – Porto Alegre, RS
Desde criança, Gabriel mostrou uma enorme vontade de aprender e, assim que compreendeu que havia vida acadêmica após o ensino médio, decidiu que iria estudar educação física. Ele está no quinto período da faculdade e, nas horas vagas, faz karatê e estágio voluntário em um grupo de corrida

Caíque Aimoré – Marketing – Mogi das Cruzes, SP
Caíque decidiu o curso que iria fazer pelo número de disciplinas que usavam matemática. A escolha pelo marketing melhorou sua oratória e o aproximou dos livros. Formar no ensino superior foi um sonho realizado mas, atualmente, ele não trabalha na área. Caíque é atleta paralímpico de natação e já participou de diversas competições dentro e fora do Brasil

Jessica Figueiredo – Fotografia e Moda – Brasília, DF
Para tirar uma dúvida sobre qual profissão seguir, Jéssica recorreu à orientação vocacional. Ela achou que iria cursar administração, mas o resultado foi... fotografia. Anos antes, ela teve contato com as lentes, obturador, corpo da máquina e o barulho do botão de cliques, o que despertou uma paixão adormecida. Ela trabalha registrando os eventos da Secretaria de Direitos Humanos e até fez uma exposição fotográfica no Senado Federal

Samuel Sestaro – Moda – Santos, SP
Desde os 12 anos Samuel está nas passarelas como modelo. Em 2010, decidiu que era o momento de entrar para a faculdade e escolheu design de moda como graduação. Com diploma em mãos, ele continua desfilando, mas já recheou o currículo com a atuação como mestre de cerimônias em eventos. Este ano, Samuel deu uma palestra sobre o Dia Internacional da Síndrome de Down em um evento no Senado Federal, em Brasília

Tatiane Rotelli – Gastronomia – Santo Antônio do Pinhal, SP
Foi na busca por sua independência e autonomia que Tatiane decidiu cursar gastronomia em Santo Antônio do Pinhal, no interior de São Paulo, a 24 km de Andradas, onde mora. Fazer pesquisas na internet sobre os assuntos que poderiam cair no vestibular a estimulou a estudar e, em 2014, ela passou na faculdade. Junto com sua mãe, se formou dois anos depois. Hoje, Tatiane trabalha como chef no restaurante da família

Guilherme Campos – Gastronomia – São Paulo, SPInspirado em uma amiga, Guilherme decidiu cursar gastronomia. Ele concilia seu trabalho em um restaurante de cozinha italiana com uma vida muito ativa. Seu sonho é ter o próprio negócio, em São Paulo

Pedro Brandão Carrera – Gastronomia – São Paulo, SP
Administrador do canal no YouTube “Comidinhas do Pepe”, Pedro é o mais velho de três irmãos. Em 2013, prestou vestibular para gastronomia em quatro faculdades e passou em duas delas. Durante o curso fez estágios em restaurantes de São Paulo. Pedro pretende, agora, se tornar sommelier de vinhos e cervejas

Daniel Lino de Miranda – Design – Campinas, SP
O talento de Daniel para criar nomes e slogans publicitários o levou ao design publicitário. Logo após se formar no ensino médio, ele prestou vestibular para uma faculdade de Campinas, onde teve direito a um leitor de prova. No entanto, depois de entrar no curso, a diretoria da faculdade se negou a disponibilizar avaliações adaptadas para sua deficiência alegando que ele não poderia ser "privilegiado". Daniel deixou a graduação, mas isso não fez com que ele desistisse da arte. Hoje, ele faz curso técnico de ilustração e se forma no final do ano

Yves Levy Dupont – Educação Física – Porto Alegre, RS
Yves pratica judô desde os oito anos. Quando chegou o momento de escolher uma graduação, optou pela educação física. Na época do vestibular, ele foi preparado por uma psicopedagoga. Agora, na reta final do curso, Yves se prepara para fazer o TCC e seu trabalho final é sobre o ensino de judô para crianças

Fernanda Schaeker Machado – Design – Porto Alegre, RS
A paixão de Fernanda sempre foram os livros. Depois que se formou no Ensino Médio, preferiu se dedicar às atividades que não tinha tempo de fazer enquanto estudava, como dança e cursos de escrita. Em 2010, decidiu que era hora de entrar na faculdade, mas tinha uma dúvida: se dedicar aos livros ou fazer cinema? Fernanda prestou vestibular para design gráfico e, durante o curso, escreveu o “Guia de Diagramação para um Livro Acessível”, que orienta designers a diagramar e planejar livros acessíveis para três tipos de deficiência: intelectual, baixa visão e deficiência física com rigidez na nuca e nas mãos. Atualmente ela está produzindo um livro de ficção infanto-juvenil 

Luísa Camargos - Relações Públicas - Belo Horizonte, MG
Formada em junho deste ano, Luísa é a primeira bacharel em relações públicas do Brasil. A jovem conta que, durante os testes vocacionais no ensino médio, a orientadora indicou que ela teria sucesso na área de humanas. "Fiquei pensando sobre profissões na área de humanas e, como sempre gostei de comunicação, o curso de relações públicas foi a melhor escolha"

Marina Marandini – Artes Visuais – Rio Grande, RS (Universidade Federal do Rio Grande)
Marina sempre teve agenda cheia, preenchida com as atividades escolares, acompanhamento com profissionais de saúde e aulas de dança. Depois de terminar o ensino médio, começou a trabalhar e fazer cursos livres. Mas isso não a preencheu totalmente. Dois anos depois, falou para a mãe que queria fazer faculdade, passou em uma universidade pública e tirou nota máxima no TCC. Hoje, ela é artista visual

Pedro Henrique Baidek – Educação Física – Erechim, RS

Gabriel Nogueira – Teatro – Pelotas, RS (Universidade Federal de Pelotas)

Kalil Tavares – Geografia – Goiânia, GO (Universidade Federal de Goáis)

André Luiz de Santana Damascena - Educação Física - Recife, PE

Benjamim Saidon - Gastronomia - SP

Letícia Azevedo Santana Silva – Dança – Salvador, BA (Universidade Federal da Bahia)

Bianca Dias Tagliacozzo - Educação Física - Indaiatuba, SP

Amanda Amaral – Biologia – Vitória da Conquista, BA

Wânnya Cipriano – Pedagogia – Maceió, AL

Camila Costa Santos Basílio - Design Gráfico - Recife, PE

Carlos Ney Granja Vasconcelos Filho - Educação Física - Recife, PE

Raysa Braga – Educação Física – Rio Branco, AC (Universidade Federal do Acre)

Bruno Ribeiro – Turismo – Recife, PE

 Eduardo Emanuel Sartori Fillus - Educação Física - Cascavel, PR

Débora Seabra - Magistério - Natal, RN

 Humberto Suassuna - Educação Física - Recife, PE

Felipe Martins - Gastronomia -  Maceió, AL 

Flavia Carvalho - Pedagogia - Barra Mansa, RJ

Gabriela Moura - Pedagogia - São José do Rio Preto,  SP

Gustavo Bicca – Jornalismo – Pelotas, RS

Luana Rolim - Fisioterapia - Santo Ângelo, RS

Genilson Protasio Filho – Técnico em Informática – São Luis, MA

Henrique Rodrigues Antun – Hotelaria – SP

João Vitor Mancini – Educação Física – Curitiba, PR

Júlia Henriques Costa – Licenciatura em Dança – Pelotas, RS

Laura Reis – Gastronomia – São Paulo, SP

Laura Deorsola Xavier Negri – Magistério e Pedagogia – Curitiba, PR

Leonardo Costa da Silva – Design de Interiores – RS 

Maria Clara Ribeiro Maciel de Carvalho – Gastronomia – ES

Livia Roncon Freitas – Educação Física – SP

Mariana Costa Braga – Educação Física – Natal, RN

Nadine Cardoso dos Reis – Tecnologia em Embelezamento e Imagem Pessoal – Viçosa, MG

Marjore Bahia de Melo – Artes – Vitória da Conquista, BA

Nicholas Filinkoski – Fotografia - Recife, PE

Renan Henrique Codogno – Educação Física – São José do Rio Preto, SP

Priscila Mesquita – Educação  Física – Recife, PE

Robson Deola – Tecnólogo em Gestão Pública – Irani, SC

Willian Vasconcelos – Direito – Sobral, CE

Rodolfo Pinheiro Bernardi – Gemologia – Vitória, ES (Universidade Federal do Espírito Santo)

Susana Roseli Bernardi – Moda – São Paulo, SP

Aline Hélio Figueiredo Terrinha – Direito – Belo Horizonte, MG

Ana Carolina Fruit – Pedagogia, com pós – Joinville. SC

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias