Sexta, 18 de Junho de 2021 14:20
43 9 9937 4574
19°

Pancada de chuva

Cambará - PR

Dólar com.

R$ 5,07

Euro

R$ 6,01

Peso Arg.

R$ 0,05

Senado Federal Senado Federal

Kajuru defende Kátia Abreu de ataques do ex-ministro Ernesto Araújo

O senador Jorge Kajuru (Podemos-GO) acusou o ex-ministro das Relações Exteriores Ernesto Araújo de “agredir covardemente” a senadora Kátia Abreu (...

18/05/2021 20h01
Por: Carlos Roberto Francisquini Fonte: Agência Senado
Waldemir Barreto/Agência Senado
Waldemir Barreto/Agência Senado

O senador Jorge Kajuru (Podemos-GO) acusou o ex-ministro das Relações Exteriores Ernesto Araújo de “agredir covardemente” a senadora Kátia Abreu (PP-TO) nesta terça-feira (18). O ex-chanceler voltou a afirmar, durante depoimento na CPI da Pandemia, que a senadora atuou em favor da China para a implementação da tecnologia 5G no Brasil. Ernesto Araújo fez a declaração quando Kátia Abreu não estava mais presente na reunião da CPI. 

— Quando o senador Angelo Coronel fez a pergunta para ele [Ernesto Araújo], o ex-ministro podia, no mínimo, elegantemente, responder que esse caso com a senadora está na Justiça. Portanto, não teria que tratá-lo na CPI. Evitaria assim a justa solidariedade da senadora Simone Tebet, que lá foi, e infelizmente quase não conseguia falar. Ela estava sendo totalmente cristalina, não só por defender a honra de uma colega como a Kátia, mas para exigir que esse ex-chanceler fosse claro na resposta dele, até para uma futura acareação ou para que ele pedisse desculpas — afirmou Kajuru. 

Mais cedo, no depoimento de Ernesto Araújo à CPI da Pandemia, o senador Angelo Coronel (PSD-BA) havia perguntado ao ex-ministro se ele não aproveitaria o momento para pedir desculpas a Kátia Abreu sobre o episódio, ocorrido em março, em que acusou a senadora de interferir nas negociações para a implementação do 5G no Brasil. Em resposta a Angelo Coronel, o ex-chanceler repetiu o que havia afirmado anteriormente.

— Bem, na referência que eu fiz a determinado comportamento da senadora Kátia Abreu, eu simplesmente disse a verdade, eu simplesmente relatei um fato. Então, eu jamais vou me arrepender de dizer a verdade — declarou Ernesto Araújo. 

Kajuru ainda afirmou que o ex-ministro mentiu mais de 12 vezes em seu depoimento, e classificou o ex-chanceler como um “mitômano”, condição caracterizada pela compulsão em mentir.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias