Terça, 03 de Agosto de 2021 15:30
43 9 9937 4574
CULTURA Paraná

Teatro Guaíra alcança 600 mil pessoas de forma virtual no 1º semestre de 2021

A audiência em todas as redes sociais do Teatro seria suficiente para lotar o auditório do Guairão 287 vezes.

22/07/2021 10h50 Atualizada há 2 semanas
Por: Carlos Roberto Francisquini Fonte: Secom Paraná
© Maringas Maciel/BPP
© Maringas Maciel/BPP

O Teatro Guaíra encerrou o primeiro semestre de 2021 atingindo um público de mais de 600 mil pessoas nas redes sociais, o equivalente a 287 Guairões lotados. A temporada virtual 2021 incluiu grandes sucessos como o vídeoValsa de Apartamento, do Balé Teatro Guaíra, e o projetoCafé com Bach, colaboração entre a Orquestra Sinfônica do Paraná (OSP) e o balé. Somente no mês de julho, foram 80 mil impressões no Instagram do Teatro Guaíra e 54 mil no da OSP.

Fechado para o público pela primeira vez em sua história em função da Covid-19, o Teatro Guaíra se reinventou no ambiente online e manteve a conexão com o público. O Projeto Café com Bach, por exemplo, chegou a 17 mil paranaenses. Somente no YouTube, o vídeo Valsa de Apartamento atingiu 7 mil espectadores, tornando-se sucesso nacional de público e crítica. Os projetos são uma parceria da Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Cultura, Centro Cultural Teatro Guaíra e PalcoParaná.

A Orquestra Sinfônica do Paraná teve alcance total nas redes sociais de 134 mil pessoas no primeiro semestre de 2021. Foram 83,3 mil pessoas no Facebook e 22 mil no Instagram, além de 29 mil visualizações no YouTube. No total, a OSP publicou 161 conteúdos on-line. Entre os destaques, há os concertos virtuais de Stravinsky e Schubert e o projeto OSP para Crianças. 

O Balé Teatro Guaíra, por sua vez, iniciou a temporada 2021 com o vídeo Valsa de Apartamento, em que os bailarinos são acompanhados na dança por um drone. O vídeo foi sucesso instantâneo no YouTube e ganhou manchetes nacionais.

Já a coreografiaVariações sobre a Mesa, lançada em abril para celebrar o dia da dança, foi selecionada para o San Francisco Dance – Film Festival. É a primeira vez em que o BTG é selecionado para um festival do gênero. Ovídeo Íris, que celebra o orgulho LGBTQIAP+, chegou a 10,8 mil pessoas. No mês de julho, o Instagram do Balé registrou 39 mil impressões.

A Escola de Dança Teatro Guaíra (EDTG) encerra o primeiro semestre sendo finalista do Youth America Grand Prix (YAGP), com a participação da aluna Ana Julia Cotlinski. O YAGP é um dos maiores concursos de dança do mundo e Ana Julia está na final com 22 concorrentes de todo o mundo. A equipe da EDTG fez todos os treinos e ensaios de Ana Júlia de forma virtual.

Neste ano, a EDTG completa 65 anos de forma virtual e adaptando-se ao ensino a distância. Foi uma das únicas escolas de dança pública do Brasil que não interrompeu as atividades.

Além disso, a escola também teve produções sobre os objetivos de desenvolvimento sustentável, dia da dança, dia da família e dia das mulheres. A EDTG atingiu um público de 15 mil pessoas nas redes sociais no primeiro semestre.

ODS– O Teatro Guaíra também celebrou o Dia Mundial do Meio Ambiente em 5 de junho com o lançamento virtual de dois projetos especiais sobre os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). A primeira iniciativa é uma série de vídeos do Balé Teatro Guaíra, em que cada bailarino dança um ODS. Já os alunos da Escola escolheram os ODS como temática de discussão durante o ano letivo e apresentam um vídeo que encerra o primeiro semestre de 2021.

Além disso, o BTG participou de três webinars sobre o tema: com a Universidade do Minho, de Portugal; com a ONG Observatório da Diversidade Cultural, de Brasília; e com a empresa paranaense Sanepar.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias