Sexta, 26 de Novembro de 2021 23:37
43 9 9937 4574
TECH Minerva Foods

Líder em exportação de carne bovina na América do Sul adquire certificações I-REC da CGNBE

O I-Rec garante à empresa o uso de energia renovável proveniente de empreendimentos localizados no Brasil

18/11/2021 19h21
Por: Carlos Roberto Francisquini Fonte: Anna Amaral
imagens de divulgação
imagens de divulgação

A Minerva Foods, líder em exportação de carne bovina na América do Sul e uma das maiores empresas na produção e comercialização de carne in natura e seus derivados na região, anunciou a compra de mais de 369 mil certificados de energia renovável (I-REC) para 100% de suas operações na América do Sul, tornando-se a primeira empresa do setor a ter emissões líquidas zero no Escopo 2, de emissões indiretas por consumo de energia. A parceria entre Minerva Foods e CGNBE resultou na compensação de 100% das emissões de CO² referente ao consumo de energia elétrica utilizada pela Minerva Foods em suas operações no Brasil.

 

“Os certificados rastreiam os megawatts-hora consumidos e garantem que eles provêm de uma fonte renovável, com isso viabilizamos uma nova forma de comprovar a rastreabilidade da energia que estamos consumindo. Essa meta de nosso compromisso com a sustentabilidade já foi atingida em 2020 e seguiremos dessa forma como parte da nossa estratégia para sermos Carbono Neutro até 2035”, declarou Taciano Custódio, Diretor de Sustentabilidade da Minerva Foods.

 

Agora, 100% de toda energia consumida pela Minerva Foods no Brasil é lastreada pelos I-RECs com selo REC Brazil de energia eólica produzidos pela CGNBE, no Complexo de Morrinhos, em Campo Formoso - BA.

 

“A CGNBE já comercializou mais de 5.000.000 de certificados I-REC e aumentou o seu portfólio de venda para esse ano, garantindo uma certificação de energia limpa para inúmeras empresas e empreendimentos sustentáveis”, informou Hugo Squizatto, responsável pela emissão dos certificados de energia renovável na CGNBE.

 

 

Sobre os I-RECs e o selo REC Brazil

 

O certificado I-REC comprova que a energia elétrica consumida pelas empresas é proveniente de fonte renovável de energia. Assim, ao adquirir esse certificado, o consumidor pode afirmar e comprovar que a energia utilizada pela sua empresa é limpa e origina-se de uma fonte renovável específica.

 

O Programa de Certificação de Energia Renovável “REC Brazil” visa fomentar o mercado de energia gerada a partir de fontes renováveis e com alto desempenho em termos de sustentabilidade, através da certificação dos parques, tendo como requisito o atendimento comprovado a pelo menos 5 das 17 ODS da ONU.  O Selo REC Brazil, inserido sobre os I-RECs, fornece garantia ao cliente de que a usina atende a critérios de adicionalidade, sustentabilidade nos aspectos sociais, ambientais e relação com a comunidade, assim como agregação de todos os atributos ambientais.

 

Sobre a CGN Brasil Energia

 

A CGN está presente em em mais de 20 países, com um portfólio diversificado de projetos de geração de energia elétrica. A empresa se estabelece no mercado brasileiro de energia no ano de 2019 com a aquisição de 100% de participação de parques eólicos e solares.

 

Com essas aquisições nasce a CGN Brasil Energia e Participações S.A. uma empresa que atua diretamente no desenvolvimento, implantação e operação de projetos de energia renovável, tendo como prioridade a política do desenvolvimento sustentável.

 

Atualmente a CGNBE é responsável pela geração de energia de 31 parques eólicos e 11 parques solares, que somam 1.062 MW de capacidade instalada e que ao final do ano de 2021 com novos projetos chegará a 1.280 MW de capacidade instalada.

 

Ainda de acordo com a BloombergNEF (BNEF) a CGNBE é considerada a quinta maior produtora de energia limpa na América Latina.

 

Sobre a Minerva Foods

A Minerva Foods é líder em exportação de carne bovina na América do Sul e atua também no segmento de processados, comercializando seus produtos para mais de 100 países. Além do Brasil, a Minerva Foods está presente no Paraguai, na Argentina, no Uruguai, na Colômbia e no Chile. A empresa atende a cinco continentes com carne bovina e seus derivados e opera, hoje, 25 plantas de abate e desossa, 16 escritórios internacionais, 14 centros de distribuição e três plantas de processamento.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias