CNSG 2020 TOPO
SICREDI TOPO
sicredi 03
CBD 2020
H1N1

SAÚDE DISTRIBUI MAIS 284 MIL DOSES DA VACINA CONTRA A GRIPE

Entrega da segunda remessa a todos os municípios será concluída nesta terça-feira (24). Trabalho começou ontem, assim que as doses chegaram do Ministério da Saúde. Para este ano, o ministério adotou a estratégia de distribuição em vários lotes durante as 14 semanas da campanha

24/03/2020 14h26Atualizado há 2 semanas
Por: Carlos Roberto Francisquini
Fonte: AEN
Vacina de combate a Influenza H1N1
Vacina de combate a Influenza H1N1

A Secretaria de Estado da Saúde finaliza nesta terça-feira (24) a distribuição de mais uma remessa da vacina contra a gripe para todos os municípios do Paraná. O envio deste segundo lote, de 284 mil doses, começou ontem, assim que chegaram do Ministério da Saúde.

O Paraná já recebeu 806 mil doses para a Campanha Nacional de Imunização contra a Influenza, iniciada nesta segunda-feira (23) e que segue até 22 de maio. O primeiro lote, com 522 mil doses, foi entregue aos municípios antes do início da campanha. A distribuição para as secretarias municipais acontece por meio das 22 Regionais de Saúde do Estado.

Para a campanha deste ano, o ministério adotou a estratégia de distribuição em vários lotes durante as 14 semanas da campanha. Nós próximos dias, a secretaria estadual deve receber o terceiro, com mais 213 mil doses e, da mesma forma, distribuirá aos municípios seguindo o critério de quantitativo proporcional à população.

“O Governo do Estado garante que teremos doses suficientes ao longo da campanha para a população elencada nos grupos prioritários. A previsão é de 3,8 milhões no total, de acordo com o nosso público-alvo. Neste momento, na primeira fase, os grupos prioritários para receber a vacina são os idosos, acima de 60 anos, e os trabalhadores da saúde”, afirma o secretário da Saúde do Paraná, Beto Preto.

A segunda etapa da 22ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza, será a partir de 16 de abril e abrangerá professores, profissionais das forças de segurança, portadores de doenças crônicas e outras condições especiais.

A terceira e última fase começa em 9 de maio, com a imunização de crianças de seis meses a cinco anos, 11 meses e 29 dias, gestantes, puérperas, povos indígenas, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos que comprem medidas socieoeducativas, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e adultos de 55 a 59 anos.

A Secretaria de Estado da Saúde informa que o esquema de vacinação é organizado pelas secretarias municipais. 

CAMBARÁ - O Secretário Municipal de Saúde de Cambará, Francisco Peres, informou que a equipe da secretaria de saúde já havia imunizado cerca de 1400 pessoas nesta segunda-feira (23) e um total de 3471. 

O Secretário garantiu que com a nova remeça de doses da vacina conseguirá atingir a meta de imunização de 100% até o próximo sábado. A recomendação de Francisco Peres é para que ninguém vá até ao posto de saúde em busca da dose da vacina. "Nossa equipe fará a visita a todos os cadastrados e fará a imunização domiciliar. Esta precaução  é para evitar expor as pessoas ao novo coronavírus, embora não tenhamos nenhum caso registrado na cidade", frisou.  

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.