Segunda, 30 de Novembro de 2020 05:53
43 9 9937 4574
ARTIGOS 19 DE NOVEMBRO!

VOCÊ SABIA QUE A BANDEIRA NACIONAL É O SÍMBOLO MÁXIMO DO BRASIL?

Professor Cesar Mota conta algumas curiosidades históricas do Dia da Bandeira Nacional

19/11/2020 14h23 Atualizada há 2 semanas
Por: Nathália Bonhole Fonte: Prof. Cesar Mota
A escolha de uma nova bandeira para representar o país simbolizava o momento histórico, as conquistas e a forma de governo da nova república federativa
A escolha de uma nova bandeira para representar o país simbolizava o momento histórico, as conquistas e a forma de governo da nova república federativa

 

O Dia da Bandeira foi criado no ano de 1889, através do decreto-lei número 4, em homenagem a este símbolo máximo da pátria. A escolha de uma nova bandeira para representar o país simbolizava o momento histórico, as conquistas e a forma de governo da nova república federativa. Num primeiro momento, a bandeira do Brasil republicano era uma versão da bandeira dos Estados Unidos nas cores verde e amarelo. O modelo não agradou a maioria dos políticos. Por isso, volta-se ao antigo desenho, inspirado na Bandeira Imperial que havia sido feita por Jean-Baptiste Debret.  Deste modo, a bandeira republicana foi criada por Raimundo Teixeira Mendes (1855-1927) e por Miguel de Lemos (1854-1917), e executada pelo pintor Décio Vilares (1851-1931).

Na ocasião da mudança, o símbolo de Armas do Império foi substituído por uma esfera azul. Dentro dela foram colocadas estrelas que representam o céu do Rio de Janeiro, observado em 15 de novembro de 1889. Por fim, foi adotado o lema positivista “Ordem e progresso”, escrito em uma faixa branca. Essa bandeira, instituída em 1889, permanece em vigência até hoje, como já mencionado. A última mudança realizada nela ocorreu em 11 de maio de 1992, quando se decidiu incluir novas estrelas. Essas fazem referência então aos novos estados da federação: Amapá, Roraima, Rondônia e Tocantins. Segundo a Constituição, a Bandeira Nacional, símbolo máximo do país, é hasteada pela manhã nos órgãos públicos, escolas, secretarias de governo, etc., e arriada pela tarde, de forma que não deve ficar hasteada pela noite. Caso isso aconteça, a bandeira nacional deve estar iluminada. O Dia da Bandeira é uma data comemorativa, mas não é um feriado nacional. No dia 19 de novembro, são realizadas cerimônias de hasteamento da bandeira pontualmente às 12 horas e são realizadas solenidades especiais, segundo consta na Lei nº 5.700, de 1º de setembro de 1971. Nesse dia também algumas unidades militares ficam responsabilizadas por incinerar bandeiras em mau estado de preservação.

 

Cesar Mota é Professor da rede estadual de ensino do Estado do Paraná. . Foto: Arquivo Pessoal

 

 

Curiosidades sobre a bandeira brasileira:

 

- Quando várias bandeiras são hasteadas em nosso país, a brasileira deve ser a primeira a chegar no topo do mastro e a última a descer.

 

- Quando uma bandeira brasileira fica velha, suja ou rasgada, deve ser imediatamente substituída por uma nova. A bandeira velha deve ser recolhida a uma unidade militar, que providenciará a queima da mesma no dia 19 de novembro.

 

- Caso a bandeira fique hasteada no período noturno, ela deve ser iluminada.

 

Você sabia?

 

- É comemorado em 30 de maio o Dia das Bandeiras.

 

HINO DA BANDEIRA NACIONAL

Salve lindo pendão da esperança!
Salve símbolo augusto da paz!
Tua nobre presença à lembrança
A grandeza da Pátria nos traz.

Recebe o afeto que se encerra
em nosso peito juvenil,
Querido símbolo da terra,
Da amada terra do Brasil!

Em teu seio formoso retratas
Este céu de puríssimo azul,
A verdura sem par destas matas,
E o esplendor do Cruzeiro do Sul.

Recebe o afeto que se encerra
Em nosso peito juvenil,
Querido símbolo da terra,
Da amada terra do Brasil!

Contemplando o teu vulto sagrado,
Compreendemos o nosso dever,
E o Brasil por seus filhos amado,
poderoso e feliz há de ser!

Recebe o afeto que se encerra
Em nosso peito juvenil,
Querido símbolo da terra,
Da amada terra do Brasil!

Sobre a imensa Nação Brasileira,
Nos momentos de festa ou de dor,
Paira sempre sagrada bandeira
Pavilhão da justiça e do amor!

Recebe o afeto que se encerra
Em nosso peito juvenil,
Querido símbolo da terra,
Da amada terra do Brasil!

 

Letra: Olavo Bilac
Música: Francisco Braga

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias