Sábado, 25 de Setembro de 2021 00:11
43 9 9937 4574
Curiosidade Dia dos Namorados

Pai de Doria criou o Dia dos Namorados no Brasil

Por aqui, a data foi criada para incentivar as vendas do comércio; Estados Unidos e Europa comemoram o amor no dia 14 de fevereiro

12/06/2018 10h18
Por: Nathália Bonhole
Pai de Doria criou o Dia dos Namorados no Brasil

 

VEJA.com

 


 

 

No dia 12 de junho, os brasileiros comemoram o Dia dos Namorados. A tradição, inspirada no  Dia de São Valentim festejado em 14 de fevereiro, foi trazida para o Brasil pelo pai do ex-prefeito de São Paulo João Doria para incentivar as vendas do comércio paulista. 

 

Em 1949, uma campanha com o slogan ‘Não é só com beijos que se prova o amor’ deu o pontapé inicial para a comemoração da data em todo o país.

 

O dia 12 de junho foi escolhido por ser véspera do dia dedicado ao Santo Antônio, o santo casamenteiro, segundo a crença popular. Mas não foi o tema religioso que prevaleceu na escolha. 

 

Por aqui, ela foi criada com o intuito de melhorar as vendas do varejo em junho, que não tinha muito apelo comercial e fica entre datas importantes como o Dia das Mães e o Dia dos Pais.

 

Atualmente é a terceira data mais importante para o comércio, atrás apenas do Natal e do Dia Mães.

 

A expectativa é que neste ano a data injete cerca de 15,6 bilhões de reais na economia brasileira, conforme pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL).

 

A estimativa é que 93,5 milhões brasileiros irão às compras na ocasião, com gasto médio será de 166,87 reais.

 

O levantamento mostra que três em cada dez entrevistados que pretendem adquirir alguma lembrança farão isso mesmo possuindo contas em atraso atualmente. Além disso, 8% deixarão de pagar alguma dívida para comprar algo para a pessoa amada.

Pelo mundo

 

Nos Estados Unidos e na Europa, comemora o Valentine’s Day em 14 de fevereiro.

 

Segundo a explicação mais famosa, a data é uma homenagem a um bispo da Igreja Católica que lutou contra as ordens do imperador Cláudio II, que proibiu o casamento durante as guerras acreditando que os solteiros eram melhores combatentes. 

 

Mesmo com a censura, ele continuou celebrando casamentos.

 

A prática foi descoberta e Valentim foi preso e condenado à morte. No cárcere, se apaixonou pela filha cega de um carcereiro e, milagrosamente, devolveu-lhe a visão.

 

Antes da execução, Valentim escreveu uma mensagem de adeus para ela, na qual assinava como ‘De seu Valentim’.

 

Na Idade Média dizia-se que o dia 14 de fevereiro era o primeiro dia de acasalamento dos pássaros e, por isso, os namorados usavam a ocasião para deixar mensagens de amor na soleira da porta do amado.

 

Publicidade


* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias